Livros Adultos e Infanto-juvenis

Ficção Científica, Ficção Fantástica, Terror, Suspense, Policial

 

 

 

Annabelle, Senhorita detetive

Annabelle, Senhorita detetive

Chick Lit policial

 

 

 Coleção Annabelle, Senhorita detetive

 

O início da década de 50 no Brasil, foi marcado pelas transformações socioeconômicas, e a consolidação da chamada sociedade de massa no Brasil, que trouxe consegue a expansão dos meios de comunicação. Como o rádio e suas populares radionovelas, ditando moda. Contudo, o entusiasmo pela possibilidade de construir algo novo implicou no surgimento e o impulso a vários movimentos no campo artístico.
Annabelle, 15 anos, jovem herdeira dos Rocardes, vivia aquele ‘boom!’, e tinha tudo o que muita jovem nem sonhava querer ou ter. Contudo, se vendo órfã de repente na década de cinquenta, ela descobre sua real vocação - ser detetive.
Mas a idade de Annabelle não a permitia dirigir, viajar e portar armas. Então o que fazer com uma de fortuna e um sonho maluco na cabeça? Simples! Contratar um tutor de 22 anos, 'adulto' o suficiente para dirigir, atirar e lutar por ela; e abrir seu escritório de detetive.
Simples assim!
Não! Nada na vida é tão simples assim, e Annabelle que muito queria ter sido uma detetive da Scotland Yard, volta ao Brasil para descobrir que a vida fora da mansão e os muitos luxos são feitos de dor, incompreensão, e morte.
Explorando dezesseis temas polêmicos como prostituição infantil, sequestros, suicídio, drogas, segregação racial, pedofilia, AIDS, abusos e outros mais, a autora Marcia Ribeiro Malucelli encontrou meios de diluir a temática em romances policiais, situados numa São Paulo da década de 50, com Annabelle percebendo que havia mais que um dom nato nela, mas uma vontade de ajudar crianças em perigo.
E apesar da temática pesada, a autora buscou escrever novelas divertidas, com personagens encantadores, numa leitura fácil e fluída, acompanhando as aventuras da jovem e muitas vezes imatura, Annabelle, Senhorita detetive.

 

 

 

Marcia Ribeiro Malucelli